10.01.2017
Região
Exército participa de combate a dengue em Embu e Taboão
compartilhe

Desde segunda-feira, 9 de janeiro, 30 militares do Exército Brasileiro estão em Embu das Artes para apoiar os agentes de controle de zoonoses na vistoria às casas do município. A Prefeitura solicita para que a população colabore, deixando as equipes entrar e identificar possíveis focos do mosquito Aedes aegypti, vetor de doenças como dengue, febre amarela, chikungunya e zika vírus.

Todos estarão trabalhando devidamente uniformizados e identificados.A primeira região a ser atendida em Embu será a do Jardim Independência.

A operação segue até fevereiro, sendo uma semana na cidade de Embu e outra em Taboão da Serra.

Sintomas da dengue, chikungunya e zika
Dengue - febre, dores no corpo, de cabeça e nos olhos, falta de ar, manchas na pele e indisposição. Em casos mais graves, a dengue pode provocar hemorragias, que, por sua vez, podem ocasionar óbito.

Chikungunya - febre e dores no corpo, mas as dores concentram-se principalmente nas articulações. Casos de morte são muito raros.

Zika - febre mais baixa que a da dengue e chikungunya, olhos avermelhados e coceira característica. Em virtude desses sintomas, muitas vezes a doença é confundida com alergia. Normalmente a zika não causa morte, e os sintomas não duram mais que sete dias. No entanto, a febre zika é relacionada com uma síndrome neurológica que causa paralisia, a Síndrome de Guillain-Barré, e também com casos de microcefalia.

Teste rápido
Há um ano as operadoras de planos de saúde em todo o país são obrigadas a oferecer cobertura para o teste rápido de dengue e a sorologia para febre chikungunya e zica vírus, essa é uma determinação da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Os postos de saúde de todo o país também oferecem os testes rápidos, que podem diagnosticar, em uma só análise e em poucos minutos, a dengue, chikungunya e zika. No teste rápido, o diagnóstico fica pronto em cerca de 20 minutos.

comentários
Seja o primeiro a comentar
deixe seu comentário
Aviso aos navegantes: os comentários são parte fundamental de qualquer site. Com eles, os internautas podem ampliar o debate, complementar as notícias publicadas e tecer críticas e elogios. Por isso não queremos transformar esse espaço em palanque, nem contra e nem a favor. Nós não publicamos comentários com palavrões ou agressões gratuitas, comentários fora do assunto ou com auto-propaganda ou propaganda de terceiros. O Portal O Taboanense reserva-se o direito de, independentemente de qualquer aviso ao autor, EXCLUIR qualquer comentário que, a seu exclusivo critério, considere ofensivo ao seu pessoal ou a qualquer terceiro, bem como a bloquear o acesso de qualquer usuário ao espaço de comentários, caso julgue necessário. Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal O Taboanense. Os autores dos comentários são civil e criminalmente responsáveis por publicar qualquer conteúdo que viole a lei (incluindo crimes contra a honra, ameaça, preconceito e discriminação).
Por favor aguarde, enviando comentário.
Comentário enviado com sucesso. Obrigado.
oferecimento
  • publicidade
    Firme junto ao povo