11.05.2017
Política
Comissão de Transporte debate municipalização da BR
compartilhe

A Comissão de Transporte da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou audiência pública nesta quarta-feira, 10, para aprofundar a discussão sobre a proposta de municipalização da Rodovia Régis Bittencourt. Durante audiência o secretário de transportes Dr. Gerson Brito explanou como os preparativos para implantar a municipalização, que segundo ele acontecerá após a autopista concluir as obras de drenagem da água pluvial, que vai impedir os alagamentos e confirmar a construção de um novo dispositivo de retorno entre Taboão e Embu. Outro tema discutido foi a convivência quase sempre turbulenta entre taxistas e motoristas de aplicativos de transporte.

A audiência pública da Comissão de Transporte da Câmara Municipal de Taboão da Serra aconteceu na quarta-feira, dia 10 | Rose Santana

“A municipalização da BR é uma realidade e estamos nos preparando para isso. A prefeitura vai fazer concurso para novos agentes, estamos comprando viaturas, vamos fazer uma licitação do pátio para recolhimento de veículos, estamos cobrando as  obras de drenagens que foram prometidas para a prevenção de enchentes, o  alargamento do pontilhão da Paulo Ayres, as mudança na passarela da Sercom e o retorno próximo ao limite Embu e Taboão.  Essas são as obras que eles estão preparando e aguardando a liberação da CETESB”, afirmou o secretário.

Para o secretário a municipalização vai resolver os problemas de mobilidade e promover o  desenvolvimento da cidade.

“Vai ser uma conquista importante. A cidade vai se comunicar a de um lado para o outro. Vamos resolver o  gargalo no centro e isso vai melhorar a economia. Nós poderemos fazer as intervenções necessárias sem autorização. Hoje não conseguimos nem fazer mudança de semáforo se não tiver autorização. É tudo burocrático, depende de vários órgãos, quando a gestão do trecho for municipal não teremos mais esses problemas”, afirmou o secretário.

O presidente da Comissão de Transportes, vereador Marcos Paulo, avalio que a audiência foi positiva já que trouxe mais informações sobre a proposta de municipalização da Régis Bittencourt em Taboão. Ele também salientou a importância de discutir a atuação de taxistas e a convivência deles com os aplicativos de serviço similar.

“A municipalização é  o grande tema do momento. Eu acho que a cidade  tem que comemorar. É um sonho antigo, muitos gestores pensaram e até prometeram, mas,  nunca concluíram. O governo hoje está sinalizando de forma muito forte que a municipalização vai acontecer. A Câmara está participando junto dessa discussão e debatendo  o tema com a Secretaria de Transporte, os  taxistas e todos os setores envolvidos”, afirmou Marcos Paulo.

Tanto os vereadores da comissão quanto o secretário relevaram entender que é preciso discutir a questão de quem trabalha fazendo transporte de forma irregular, sejam os motoristas de aplicativos e de transporte escolar.

“Nós temos uma grande preocupação com a segurança. Para isso é preciso fiscalizar, cumprir a determinação da legislação”, afirmou o secretário. “Foram colocados aqui casos em que os taxistas trabalharam errado, também soubemos como os aplicativos prejudicam essa categoria. Cabe a nós ampliar essa discussão e chegar a um entendimento”, pontuou Marcos Paulo, antes de lamentar a ausência de representantes dos aplicativos na audiência.

 

comentários
Seja o primeiro a comentar
deixe seu comentário
Aviso aos navegantes: os comentários são parte fundamental de qualquer site. Com eles, os internautas podem ampliar o debate, complementar as notícias publicadas e tecer críticas e elogios. Por isso não queremos transformar esse espaço em palanque, nem contra e nem a favor. Nós não publicamos comentários com palavrões ou agressões gratuitas, comentários fora do assunto ou com auto-propaganda ou propaganda de terceiros. O Portal O Taboanense reserva-se o direito de, independentemente de qualquer aviso ao autor, EXCLUIR qualquer comentário que, a seu exclusivo critério, considere ofensivo ao seu pessoal ou a qualquer terceiro, bem como a bloquear o acesso de qualquer usuário ao espaço de comentários, caso julgue necessário. Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal O Taboanense. Os autores dos comentários são civil e criminalmente responsáveis por publicar qualquer conteúdo que viole a lei (incluindo crimes contra a honra, ameaça, preconceito e discriminação).
Por favor aguarde, enviando comentário.
Comentário enviado com sucesso. Obrigado.
oferecimento
  • publicidade
    Firme junto ao povo